Conteúdo

Em jogo antológico, Jayson Tatum anota cesta no estouro do cronômetro e Celtics derrotam os Nets no jogo 1

17 de abril de 2022

(por Rafael Lima)
 

A série mais esperada da primeira fase dos Playoffs começou no TD Garden e entregou mais do que qualquer fã poderia esperar. Simplesmente Boston Celtics e Brooklyn Nets apresentaram um entretenimento dos melhores para qualquer apaixonado pelo basquete, decidido de maneira espetacular.

O jogo começou com as duas equipes indo para o tiroteio, arriscando bolas com pouco tempo de posse e trocando pontos. Porém, logo a defesa dos Celtics apareceu e, com muita agressividade, forçava turnovers, castigando na transição com bolas de fora. Mas, na rotação, os Nets, no embalo de Kevin Durant e companhia, conseguiram uma “run” de 7 a 0 igualando o confronto. Os times se intercalaram na frente na reta final do período inicial, que terminou com a equipe da casa um ponto na frente (29-28).

O segundo quarto seguiu na mesma toada, ambos os times se lançando ao ataque desenfreadamente, cometendo turnovers e arriscando muito. Os dois times se alternavam na liderança e a partida era tensa e brigada. A série tinha a premissa do equilíbrio e assim o período seguiu até o fim. Desta forma, o duelo chegou empatado ao intervalo (61-61).

O terceiro período começou com os celtas “on fire” marcando firme, forçando turnovers e abrindo vantagem na transição. No ritmo de Marcus Smart nas bolas de fora, Boston colocou dois dígitos de vantagem pela primeira vez no duelo. Com uma “run” de 7-0, liderada por Tatum, o time da casa colocou 15 pontos de frente. Na reta final do quarto, a marcação dos Nets evoluiu e o time descontou com a dupla Durant e Irving, voltando para o jogo e resgatando a emoção. Só que na reta final, Jaylen Brown e Jayson Tatum, com tocos seguidos de cestas recolocaram dígitos duplos de frente no final da parcial. 

O quarto final iniciou com os Nets defendendo muito melhor e, na base do contragolpe, Kyrie Irving castigava Boston, recolocando Brooklyn na disputa, com uma “run” de 11-0 para tomar a liderança com uma bola de 3 de Durant. Na base da marcação e transição rápida, o time da casa igualou o placar com pouco mais de três minutos para o fim. O duelo ficou equilibrado nos ataques e nos erros, tudo poderia acontecer. Na reta final, Kyrie Irving anotou uma cesta de 3 que praticamente decidia o jogo, mas, o que veio a seguir, mostrou como o basquete é um esporte encantador. Jaylen Brown diminuiu a desvantagem e, com uma defesa forte, os Celtics tiveram 12 segundos para decidir a peleja. Uma jogada muito bem trabalhada de Smart e Brown terminou com uma bola de Tatum no estouro do cronômetro para vencer o duelo, fazendo o TD Garden tremer. 



 

Final: Brooklyn Nets 114-115 Boston Celtics 
 

Sem fôlego! Assim ficou todo mundo que assistiu a essa partida espetacular, que mostrou um Boston Celtics organizado defensivamente e um Brooklyn Nets com duas estrelas que podem vencer qualquer jogo. Essa junção gerou um duelo equilibradíssimo, que deve ser a tônica de toda a série, que tem tudo para ser inesquecível.

Os destaques do confronto foram Jayson Tatum (31pts e 8ast), Jaylen Brown (23pts), Al Horford (20pts e 15reb) e Marcus Smart (20pts, 7reb e 6ast) pelos Celtics. Enquanto pelos Nets, vale ressaltar os trabalhos de Kyrie Irving (39pts e 6ast) e Kevin Durant (23pts).