Conteúdo

Derrotado por Poirier no UFC 264, McGregor é ultrapassado por Rafael dos Anjos no ranking dos leves; veja as atualizações

15 de julho de 2021

(por Leandro Chagas)

Além da grave fratura na perna, Conor McGregor teve outros prejuízos com a derrota sofrida para Dustin Poirier no UFC 264. Após a última atualização realizada nos rankings do Ultimate na última terça-feira (13), o "Notorious" caiu para a 7° colocação entre os pesos-leves, divisão na qual ele já foi campeão. O irlandês foi ultrapassado por Tony Ferguson e Rafael dos Anjos, que mesmo sem lutar no evento do último sábado (10), assumiram respectivamente a 5° e a 6ª colocação da categoria até 70kg. 

Apesar de estar envolvido em lutas de destaque, Conor vem oscilando entre altos e baixos no Ultimate, somando três derrotas nas últimas quatro apresentações. Sua última vitória foi diante do veterano Donald Cerrone, em janeiro de 2020. Contando apenas lutas de cinturão, o último triunfo foi em novembro de 2016, quando McGregor nocauteou Eddie Alvarez, conquistando o cinturão dos leves, se tornando duplo campeão da companhia, ostentando também o título dos penas. 

Brasileiros mudando de posição

A última atualização nos rankings do Ultimate também afetou outros representantes do Brasil que não estiveram em ação no UFC 264. Entre os meio-médios (até 77kg), Vicente Luque e Michael Chiesa, que se enfrentarão no dia 7 de agosto, trocaram de posição. O norte-americano saltou para a 5ª posição, enquanto o brasileiro caiu para a 6ª. 

Uma situação parecida aconteceu entre na divisão peso-palha (até 52kg). Mackenzie Dern e Marina Rodriguez, que lutarão no dia 9 de outubro, também tiveram suas posições invertidas. Dern agora é a 5ª colocada, enquanto Rodriguez é a 6ª. 

Entre os pesos-moscas (até 56kg), Matheus Nicolau pulou para a posição 13, passando Su Mudaerji, agora número 14. Os dois atletas não lutaram recentemente. O mineiro, que vem de três triunfos seguidos, teve a sua última vitória em março deste ano, contra Manel Kape. Já o chinês, que também vem de três triunfos consecutivos, venceu Zarrukh Adashev, em janeiro. 

Com a vitória em cima de Jéssica Eye no UFC 264, Jennifer Maia acabou ajudando outra brasileira no peso-mosca feminino. A estadunidense caiu para o 8° lugar, sendo ultrapassada por Viviane Araújo, que pulou para o 7°.

Confira abaixo o ranking atualizado: