Conteúdo

Cowboys aproveitam sequência de erros dos Bengals e seguem vivos na ‘peculiar’ NFC Leste

13 de dezembro de 2020

(por Marcos André)
 

Entrando em campo com uma campanha combinada de 5 vitórias e 18 derrotas, Cowboys e Bengals travaram uma disputa decidida pelos erros dos donos da casa.  Logo nas duas primeiras campanhas ofensivas de Cincinnati, dois fumbles resultaram em 10 pontos fáceis para Dallas  - incluindo um touchdown de retorno de mais de 70 jardas, de Aldon Smith.

Sem contar com a lesionada ‘dupla’ de Joes -  Burrow e Mixon -, o time dos Bengals sofreu muito, tendo que jogar atrás do placar desde o começo. Com o jogo terrestre em tarde deplorável – ao todo, três jogadores diferentes sofreram fumbles no primeiro tempo -, o QB Bramdon Allen teve que enfrentar várias situações óbvias de passe. Apesar da atuação sólida – com 27/37, 217yds e 1 TD -, o estrago já estava feito.

Do lado dos Cowboys, o jogo marcou a volta de Andy Dalton a Cincinnati. Recepcionado com uma bela homenagem ao entrar em campo, o QB conseguiu conduzir bem o ataque e aproveitar a liderança oferecida pela defesa. Com Ezekiel Elliott tendo uma temporada bem decepcionante, Tony Pollard tem participado cada vez mais do jogo terrestre – os dois dividiram as carregadas em praticamente 50% para cada.

 

Placar final: Dallas Cowboys 30 x 7  Cincinnati Bengals

 

 

Agora com 4-9, os Cowboys se afastam das primeiras escolhas do Draft, mas seguem vivos na briga pelo título da peculiar NFC East. Já os Bengals, com 2-10-1, ainda podem sonhar com uma escolha entre as duas ou três primeiras – e tem tudo para ter um 2021 bem mais agradável do que 2020, especialmente com a volta de Burrow.