Conteúdo

Copa Africana de Nações - Dia 10: A queda de um gigante e as lideranças de Senegal e Marrocos marcam as definições dos Grupos B e C

18 de janeiro de 2022

(Por Leonardo Costa)

 

Quatro jogos marcaram o dia na Copa Africana de Nações. As partidas definiram os rumos dos Grupos B e C, com Senegal e Marrocos garantindo as primeiras colocações de seus grupos, enquanto que Guiné e Gabão também garantiram a classificação. A surpresa ficou por conta da derrota e eliminação de Gana, enquanto Malawi ainda sonha com as oitavas de final.

Malawi 0 x 0 Senegal

Mais uma atuação bem abaixo do esperado da seleção de Senegal. Mesmo com uma posição confortável no grupo após marcar quatro pontos nos dois primeiros jogos, os senegaleses passaram mais uma partida sem marcar gols, apesar do amplo domínio contra o rival. Nem mesmo o astro Sadio Mané resolveu a situação.

Melhor para o Malawi, que mesmo sem finalizar nenhuma vez para o gol e com apenas 22 % de posse de bola, segurou o empate que pode render uma vaga às oitavas como uma das quatro melhores terceiras colocadas.

Zimbábue 2 x 1 Guiné

Na maior zebra do dia até então, o Zimbábue surpreendeu e venceu a seleção de Guiné por 2 a 1, conquistando seus primeiros pontos na competição. Os gols foram marcados por Musona e Mahachi para a equipe vencedora, ainda no primeiro tempo, enquanto que Keita, meia do Liverpool, descontou para os guineenses na segunda etapa.

Guiné terminou a fase de grupos com quatro pontos, mesma pontuação de Malawi, mas pelo confronto direto conquistou a segunda colocação e a vaga direta à segunda fase, ao tempo que Zimbábue se despede da CAN de cabeça erguida.

Gabão 2 x 2 Marrocos

Com duas vitórias nas duas primeiras partidas e já garantida nas oitavas de final, a seleção de Marrocos sofreu para buscar o empate diante do Gabão, uma das sensações da CAN e que não conta com alguns de seus principais jogadores, como Aubameyang, atacante do Arsenal.

Os gaboneses saíram na frente com gol de Allevinah, aos 21 da primeira etapa. Após o intervalo, Boufal, em cobrança de penalti, deixou tudo igual aos 29 minutos. Porém, aos 36, Aguerd mandou contra o próprio gol e deixou os marroquinos novamente em desvantagem. Foi então que apareceu Hakimi, lateral do PSG e grande estrela do Marrocos, que empatou a partida na reta final, mantendo a invencibilidade para os leões e a liderança do Grupo C. Com o resultado, ambas seleções avançam de fase.

Gana 2 x 3 Comores

Eis que nos deparamos com a maior zebra do dia na Copa Africana de Nações. A seleção de Gana, com inúmeros jogadores de destaque em clubes europeus, caiu diante da modesta Comores e deu adeus à competição ainda na primeira fase.

Comores, que sequer havia balançado as redes nas duas primeiras partidas, abriu o placar com El Fardou Ben, logo aos 4 minutos de jogo. Os ganeses se complicaram ainda mais quando André Ayew levou cartão vermelho direto aos 25 após entrada violenta.

No segundo tempo, Mogni ampliou para Comores. Gana correu atrás do prejuízo e mesmo com um homem a menos conseguiu o empate, com Boakye e Djiku, aos 19 e 32, respectivamente. Porém, quando partiram pra cima em busca da virada, o único resultado que interessava, Mogni marcou novamente e decretou a vitória de Comores.

Gana terminou na lanterna do grupo com apenas um ponto, enquanto que Comores ainda aguarda o final da fase de grupos para saber se avança para as oitavas de final, para isso tem que torcer contra Serra Leoa, Argélia e Guiné Bissau.