Conteúdo

Comissário da NBA espera mudanças na regra de faltas em transição

4 de junho de 2022

(por Mattheus Prudente)

Uma das maiores reclamações dos jogadores da NBA nessa temporada tem sido as várias faltas em transição que vêm sendo feitas em jogos. A Liga deve votar para a mudança da punição nesse tipo de falta, e o comissário Adam Silver diz estar confiante para uma mudança. 

Silver disse que a NBA vem testando uma regra na G-League para esse tipo de falta, e que o resultado está sendo muito bom. Nessa regra, quando existe uma falta na transição que não está no nível de uma falta de impedir uma chance clara, o time que sofreu a falta ganha um lance livre e mantém a posse da bola. 

Hoje em dia, quando há uma falta na transição, a punição é comum, gerando apenas a posse de bola para o time que a sofreu, a não ser que estejam no bônus. Várias coisas estão sendo testadas na G-League e na Summer League antes de entrar na NBA, como foi o caso do cronômetro de 14 segundos após um rebote ofensivo e o desafio dos treinadores em faltas. 

Vários técnicos da NBA defendem que a regra dessa falta mude, como é o caso de Steve Kerr, do Golden State Warriors, que usou o exemplo da FIBA como um sucesso em abolir esse tipo de falta. Segundo a NBA, a falta na transição coloca em perigo os jogadores, além de atrapalhar o fluxo normal do jogo, então não deve ter uma punição comum.