Conteúdo

Com triple-double de Giannis, Bucks dominam os Celtics em pleno TD Garden e saem na frente nas semis da conferência leste

1 de maio de 2022

(por Matheus Correia)

Na tarde deste domingo (1), Boston Celtics e Milwaukee Bucks se enfrentaram no TD Garden pelo jogo 1 das semifinais da conferência leste. Com um triple-double de Giannis Antetokounmpo, a equipe visitante foi dominante em território hostil e conquistou a vitória por um placar considerável.

Já no primeiro quarto, foi possível perceber um padrão que foi determinante para o resultado final: a dificuldade de Boston em entrar dentro do garrafão. A defesa de Milwaukee conseguia repelir os jogadores para o perímetro e a equipe não demonstrou qualidade nos arremessos de três pontos. 

Os celtas até conseguiram uma boa sequência nos primeiros minutos, mas logo os Bucks viraram o placar e terminaram o período inicial na frente: 24 – 27.

No segundo período, a tática de Milwaukee foi ainda mais efetiva. Boston arremessou 15 bolas de três pontos, convertendo cinco. A defesa celta não estava mal, e conseguia fazer os Bucks desperdiçarem arremessos com frequência.

Mesmo assim, a imponência física e a execução muito mais aguda e efetiva da equipe visitante em comparação aos Nets definitivamente deixou o time de Udoka “tonto”. Ao fim do segundo período, a diferença já era de 10 pontos: 46 – 56.

Além da boa execução ofensiva e defensiva do time de Mike Budenholzer, a habilidade de Giannis ser o “playmaker” da equipe foi um ponto positivo determinante para a vitória da franquia de Milwaukee. 

Com dificuldades de exercer sua imponência atacando a cesta, o grego rapidamente ajustou sua forma de jogar e passou a distribuir passes (incluindo alguns difíceis e acrobáticos) para seus companheiros, terminando o primeiro tempo com 7 assistências.

Além do domínio adversário, os celtas ficaram preocupados com uma possível lesão de Marcus Smart, que saiu de quadra para o vestiário segurando seu ombro após uma falta de Jevon Carter. Entretanto, o DPOY voltou para quadra na segunda etapa.

No terceiro período, Boston conseguiu se equiparar ao jogo dos Bucks e diminuiu a diferença no placar. Jayson Tatum conseguiu fazer diferença e aproveitou o momento ruim dos Bucks ofensivamente para recuperar parte do prejuízo. 

Os Bucks seguiram o plano de jogo e evitaram uma possível recuperação dos donos da casa, mas terminaram o quarto com uma preocupação: após tentar desarmar Tatum, Giannis anotou sua quarta falta.  

Entretanto, essa preocupação foi embora rapidamente no último período. Sem forças para tentar uma reviravolta, o Boston Celtics praticou um basquete bisonho nos 12 minutos finais e abriram caminho para Milwaukee conquistar uma vitória “tranquila”. 

Resultado: Boston Celtics 89 – 101 Milwaukee Bucks

Um resultado que reforça a ideia de que Milwaukee é novamente um dos favoritos para o título neste ano. Além da boa execução do plano de jogo de Budenholzer, ter Giannis Antetokounmpo em seu roster é praticamente uma garantia de chegar às finais de conferência.

Boston obviamente rendeu muito menos do que poderia render. Quantidade anormal de turnovers, aproveitamento fraco nos arremessos de perímetro, atuações fracas de Jaylen Brown e da segunda unidade foram os ingredientes para uma performance tão desastrosa diante de sua torcida. Há muito o que se corrigir caso a equipe celta queira avançar para a próxima fase.

O jogo 2 será realizado na terça-feira (3).