Conteúdo

(Por Leonardo Costa)

 

Quando falamos de Europa, sobretudo no futebol, nos remetemos às principais ligas do Velho Continente, como a Bundesliga, Ligue 1, La Liga, Premier League e Serie A. Outras ligas como as de Portugal, Países Baixos e Turquia, também entram em algumas discussões.

Porém, no total, o continente europeu tem 50 países e/ou territórios independentes, e com exceção do Vaticano e do principado de Monaco, todos possuem liga de futebol com a disputa de campeonatos locais e com vagas em competições continentais.

Dessa forma, resolvemos trazer o jogador mais valioso da primeira divisão de cada uma das ligas europeias. Confira:

França - Kylian Mbappé (A - Paris Saint-Germain) - 160 milhões de Euros

Alemanha - Erling Haaland (A - Borussia Dortmund) - 140 milhões de Euros

Espanha - Vinícius Jr. (A - Real Madrid) - 100 milhões de Euros

Inglaterra - Romelu Lukaku (A - Chelsea) - 100 milhões de Euros

Itália - Lautaro Martínez (A - Inter de Milão) - 80 milhões de Euros

Portugal - Pedro Gonçalves (A - Sporting) - 38 milhões de Euros

Áustria - Karim Adeyemi (A - Red Bull Salzburg) - 35 milhões de Euros

Países Baixos - Ryan Gravenberch (M - Ajax) 35 milhões de Euros

Bélgica - Charles De Ketelaere (A - Club Brugge) - 27 milhões de Euros

Ucrânia - Viktor Tsygankov (A - Dinamo Kiev) - 25 milhões de Euros

Rússia - Malcom (A - Zenit) - 22 milhões de Euros

Tchéquia - Adam Hlozek (A - Sparta Praga) - 19 milhões de Euros

Escócia - Amad Diallo (A - Rangers) - 18 milhões de Euros

Turquia - Ugurcan Çakir (G - Trabzonspor) - 17 milhões de Euros

Romênia - Florin Tanase (M - FSCB) - 15,5 milhões de Euros

Grécia - Mady Camara (M - Olympiakos) - 15 milhões de Euros

Croácia - Luka Ivanusec (M - Dinamo Zagreb) - 13,5 milhões de Euros

Polônia - Jakub Kaminski (A - Lech Poznan) - 10 milhões de Euros

Suíça - Fedor Chalov (A - Basel) - 8,5 milhões de Euros

Sérvia - Mirko Ivanic (M - Estrela Vermelha) - 7 milhões de Euros

Dinamarca - Evander (A - Midtjylland) - 7 milhões de Euros

Suécia - Veljko Birmancevic (A - Malmo) - 3,5 milhões de Euros

Hungria - Carlos Auzqui (A - Ferencváros) - 3,5 milhões de Euros

Bulgária - Kiril Despodov (A - Ludogorets) - 3,2 milhões de Euros

Moldova - Adama Traoré (A - Sheriff Tiraspol) - 3 milhões de Euros

Belarus - Dembo Darboe (A - Soligorsk) - 2,5 milhões de Euros

Chipre - Mariusz Stepinski (A - Aris Limassol) - 2,5 milhões de Euros

Eslováquia - Tigran Barseghyan (A - Slovan Bratislava) - 2,5 milhões de Euros

Letônia - Vladlen Yurchenko (M - Riga) 2 milhões de Euros

Noruega - Ola Solbakken (A - Bodo/Glimt) - 2 milhões de Euros

Cazaquistão - Jacek Goralski (M - Kairat Almaty) - 1,8 milhões de Euros

Bósnia-Herzegovina - Andrej Djokanovic (M - FK Sarajevo) - 1 milhão de Euros

Eslovênia - Dordje Ivanovic (A - Maribor) - 1 milhão de Euros

Lituânia - Francis Kyeremeh (A - Zalgiris) - 775 mil Euros

Macedônia do Norte - Egzon Bejtulai (Z - Shkendija) - 700 mil Euros

Montenegro - Vladimir Jovovic (A - Sutjeska Niksic) - 600 mil Euros

Irlanda - Eoin Doyle (A - St. Pat's) - 525 mil Euros

Liechtenstein - Matteo Di Giusto (A - Vaduz) - 500 mil Euros

Finlândia - Joona Toivio (Z - HJK Helsinki) - 500 mil Euros

Malta - Carlos Ibarguen (A - Hamrun Spart.) - 450 mil Euros

Albânia - Eneo Bitri (Z - FK Partizani) - 400 mil Euros

Estônia - Zakaria Beglarishvili (M - FCI Levadia) - 375 mil Euros

Andorra - Rafael Robayo (M - CE Carroi) - 325 mil Euros

Luxemburgo - Lucas Pellegrini (M - Titus Petange) - 300 mil Euros

Islândia - Steven Lennon (A - Hafnarfjordur) - 300 mil Euros

Irlanda do Norte - Jake Hastie (A - Linfield) - 250 mil Euros

País de Gales - David Edwards (M - Bala) - 200 mil Euros

San Marino - Lucas Ruiz (Z - Libertas) - 150 mil Euros