Conteúdo

Com show de João Cancelo, City se recupera de gol contra bizarro e goleia o Club Brugge

3 de novembro de 2021

(por Matheus Correia)

Na tarde desta quarta-feira (3), o Manchester City recebeu o Club Brugge no Etihad Stadium pela quarta rodada da Champions League. A equipe de Guardiola levou um susto após um bizarro gol contra marcado por John Stones, mas conseguiu se recuperar na segunda etapa e acabou vencendo os belgas com facilidade, contando com uma atuação fenomenal de João Cancelo.  

Sem muitas surpresas, o City dominou as ações nos minutos iniciais do primeiro tempo. A equipe de Guardiola pressionava muito no ataque e o gol parecia ser questão de tempo.

Seguindo a cartilha, Phil Foden abriu o placar aos 15 minutos no uma jogada que parece ter sido feita sem o mínimo esforço dos jogadores, que pareciam estar em um “jogo-treino”. Mahrez recebeu na direita e levou a bola para o meio, acionando João Cancelo na esquerda. O português cruzou rasteiro e Foden apareceu na pequena área para completar, livre de qualquer marcação.

Com a facilidade que a equipe inglesa jogava, a impressão é que o gol de Foden “abriria a porteira”. Entretanto, apenas dois minutos depois, o Brugge empatou em um lance completamente infeliz dos mandantes.

Vormer disparou pela direita e cruzou para a área; De Ketelaere deu um passe de cabeça para Vanaken, que estava no meio da área. O belga finalizou, mas viu Ederson fazer uma excelente defesa. O rebote sobrou para De Ketelaere, que cruzou rasteiro. A bola desviou em Bernardo Silva e pegou velocidade, batendo na cabeça de John Stones e indo para o fundo da rede.

O empate parece ter diminuído o ânimo do Manchester City. A equipe tinha a posse, mas não conseguia criar com eficiência: foram 9 finalizações no primeiro tempo, com apenas uma indo em direção ao gol, que foi justamente o tento marcado por Foden.

O discurso de Guardiola no vestiário durante o intervalo parece ter funcionado, e os Sky Blues voltaram com tudo para a segunda etapa. Pressionando e atacando com intensidade, a equipe mandante conseguiu desempatar logo aos 9 minutos.

Gundogan realizou um ótimo lançamento para Mahrez na direita, que cruzou para o meio da área. A bola não encontrou ninguém e sobrou para João Cancelo, que deu uma assistência fantástica ao cruzar na cabeça de Mahrez. O argelino subiu sozinho e mandou a bola para o fundo do gol.

Guardiola queria ainda mais, e tirou Grealish e Mahrez de campo para a entrada de Gabriel Jesus e Sterling, respectivamente. Apenas três minutos depois de entrar, Sterling marcou o terceiro gol da partida após excelente cruzamento rasteiro de Gundogan. Outra falha enorme da defesa da equipe belga, que novamente deixou o atacante totalmente livre e de frente para o gol.

Já nos acréscimos, Gabriel Jesus martelou o último prego no caixão do Club Brugge ao anotar o quarto gol dos Citizens na partida. Cancelo completou seu “hat-trick” de assistências após fazer uma bela tabelinha com Cole Palmer e encontrar Jesus pela esquerda. O brasileiro dominou, tirou do marcador e bateu colocado no canto esquerdo de Mignolet.

Resultado: Manchester City 4 – 1 Club Brugge

Apesar do susto, a equipe de Manchester fez uma excelente atuação jogando em casa e foi merecedora da vitória. O time de Guardiola foi perfeito em praticamente todos os aspectos, pecando apenas na precisão nos chutes. Mas pouco importou, já que a equipe foi capaz de criar jogadas onde o atacante precisou apenas empurrar a bola para o gol.

Com três assistências, João Cancelo fez uma partida excepcional e foi definitivamente o melhor jogador em campo.  

O Club Brugge em nenhum momento pareceu ameaçar a equipe adversária. Contando com bastante sorte no gol marcado, os belgas praticamente desistiram de jogar após o segundo gol dos ingleses.

Com o empate do Paris Saint-Germain, o Manchester City segue na liderança do grupo A. Os Sky Blues enfrentam a própria equipe francesa na próxima rodada pela Liga dos Campeões. Já o Club Brugge se encontra na terceira colocação do grupo, e enfrenta o RB Leipzig na próxima rodada.