Conteúdo

Com lesão no peito, Jeff Carter continuará fora se a temporada da NHL voltar

6 de maio de 2020
19h 23

(por Mattheus Prudente)

 

Do mesmo jeito que alguns jogadores estão aproveitando o tempo em casa por conta da pandemia do coronavírus para se recuperar de lesões, outros estão tendo problemas por não poderem fazer sua reccuperação de forma correta. Esse é o caso de Jeff Carter, do Los Angeles Kings, que ficará de fora por tempo indeterminado com uma lesão no peito.

A recuperação da lesão, que, apesar de ser grave, poderia ser mais fácil para o central dos Kings se ele pudesse viajar para visitar especialistas no assunto e ter o tratamento correto, coisa que não é possível no momento por conta da quarentena aplicada nos Estados Unidos. Antes da temporada ser paralisada, ele já havia ficado de fora dos últimos 10 jogos de Los Angeles.

Confinado em sua casa em Los Angeles, o jogador continua a sua recuperação de casa, mas, sem especialistas, não dá para saber em qual fase ele está, e nem se já é seguro para Carter voltar a jogar no momento. O general manager dos Kings, Rob Blake, se disse descrente que o jogador estará em forma para jogar se a temporada da NHL voltar nos próximos dois meses.

Com a lesão de Carter, os Kings jogaram pela primeira vez desde 2016 sem nenhum dos jogadores de uma das linhas mais famosas de sua história. A “That 70s Line”, ocupada por Carter, Tyler Toffoli e Tanner Pearson, já havia sido desmembrada, com Pearson sendo trocado primeiro e Toffoli recentemente saindo para ir para o Vancouver Canucks. Jeff foi o único que sobrou, mas sua grave contusão foi um “marco” do fim de uma era.

Os Kings estavam em uma boa fase quando a temporada foi paralisada, vencendo oito dos últimos 10 jogos que jogaram. Mesmo assim, ainda era muito improvável que eles conseguissem uma vaga nos playoffs, visto que eles estavam com 14 pontos de desvantagem para a segunda vaga de Wild Card, ocupada pelo Nashville Predators. 

Em 60 jogos nessa temporada, Carter soma 17 gols e 10 assistências, com um plus minus de –21.