Conteúdo

Com Jazz, Grizzlies e Cavs confirmando a boa fase e grande vitória dos Lakers sobre os Mavs, confira como foi a quarta-feira (15) da NBA

16 de dezembro de 2021

(por Rafael Lima)
 

A quarta-feira reservou 11 duelos para os fãs de basquete. Na maioria deles vimos passeios de equipes mais estruturadas em relação a times mais fracos, além de um jogaço entre Lakers e Mavericks, decidido no fim por Austin Reaves. Confira o que de melhor aconteceu.
 

Passeios e mais passeios

Dos 11 jogos da noite, oito foram decididos por dígitos duplos de diferença. 

O Cleveland Cavaliers engatou a quinta vitória consecutiva controlando completamente um frágil Houston Rockets. Os Cavs chegaram a abrir 45 pontos de frente, numa atuação defensiva espetacular e o coletivo funcionando muito bem. Apesar disso, vale destacar o desempenho de Darius Garland, cestinha da partida com 21 pontos.

Outra partida totalmente desnivelada foi a ocorrida em Orlando, onde o Magic recebeu o Atlanta Hawks. Os visitante dominaram o jogo por completo, tendo sempre uma margem confortável no placar. Para variar, Trae Young foi o destaque com 28 pontos.

Já o Milwaukee Bucks, mesmo sem Giannis e Middleton, não tomou conhecimento do Indiana Pacers. O time sofreu para entrar no ritmo da partida, mas conseguiu se impor e chegou a fazer uma corrida de 21-0 no quarto período. Pat Connaughton, Bobby Portis e Jrue Holiday anotaram 20 pontos ou mais, porém, Holiday foi o cestinha com 26, cedendo ainda 14 assistências.

Em San Antonio aconteceu outro passeio. O visitante, Charlotte Hornets, controlou as ações o tempo inteiro, chegou a abrir 30 pontos de diferença, nunca esteve atrás no placar e, impulsionado pela fantástica atuação de Gordon Hayward, que anotou 41 pontos, fez a maior pontuação entre todos os times na rodada, dando mais uma amostra de que deve brigar por playoffs.

A surpresa ficou para a vitória relativamente fácil do Minnesota Timberwolves sobre o Denver Nuggets, no Colorado. No confronto direto entre Karl-Anthony Towns e Nikola Jokic, o pivô dos visitantes foi mais eficiente ofensivamente, anotando 32 pontos, enquanto o 'Joker’, mesmo anotando um triplo-duplo (27pts, 10reb e 11ast), não conseguiu incendiar seu time, que com atuações pobres de Aaron Gorton e Will Barton, sucumbiu aos T-Wolves.

Equipe mais quente do momento, o Utah Jazz engatou sua oitava vitória seguida. Após fazer um primeiro tempo equilibrado contra o LA Clippers, o Jazz melhorou de forma coletiva, acertou a defesa e não sofreu mais no segundo. Donovan Mitchell foi o cestinha com 27 pontos, porém, vale destacar os incríveis 17 rebotes de Rudy Gobert, que também contribuiu com 20 pontos.

O Memphis Grizzlies hoje é um time muito mais coeso do que o Portland Trail Blazers. Apesar de ter um fora de série como Damian Lillard, a equipe anfitriã é bem inferior coletivamente e isso ficou claro na hora da decisão. Depois de um terceiro período de excelência, o Portland não aguentou a dinâmica ofensiva de Memphis e acabou sucumbindo. Apesar da derrota, Norman Powell foi quem mais pontuou na partida, com 25 tentos. Desmond Bane foi o cestinha dos vencedores com 23 pontos.

Numa partida equilibrada, o Washington Wizards começou melhor, mas foi completamente dominado pelo Sacramento Kings no quarto período, num apagão irreversível da equipe da capital. Bradley Beal, mesmo com o revés, marcou 30 pontos. Enquanto isso, De’Aaron foi o destaque dos Kings com 28 pontos.
 

Partidas emocionantes e Miami se mantendo na parte de cima da tabela

O Miami Heat visitou o Philadelphia 76ers em confronto direto pela Conferência Leste. Mesmo sem os astros Bam Adebayo, Tyler Herro e Jimmy Butler, além de Victor Oladipo, a equipe de South Beach apostou num jogo quente do perímetro, principalmente por parte de Duncan Robinson, Max Strus e do cestinha Gabe Vincent, que anotou 27 pontos e fez 7 cestas de três pontos, batendo os recordes de sua carreira. Miami ter o controle do jogo na maior parte do tempo, chegou a abrir mais de 20 pontos de vantagem, mas sofreu no terceiro e no quarto períodos, vendo os Sixers encostarem, mas não passarem. 

O duelo entre as duas equipes mais fracas do oeste foi bem equilibrado. O Oklahoma City Thunder começou melhor, mas foi envolvido no final pelo New Orleans Pelicans, que decidiu no estouro do cronômetro com Devonte’ Graham. Brandon Ingram foi o cestinha da partida com 34 pontos, enquanto Shai Gilgeous-Alexander anotou 33 pontos, mesmo com a derrota.

Para encerrar, o melhor jogo da noite. Los Angeles Lakers e Dallas Mavericks protagonizaram uma partidaça no Texas com 19 trocas de liderança. LA começou melhor, Carmelo Anthony e Austin Reaves vieram do banco com tudo e os visitantes controlavam o primeiro quarto. Porém, no segundo foi a vez de Dallas tomar as rédeas do jogo, tendo um domínio defensivo impressionante que resultou na virada. O equilíbrio foi a tônica da segunda metade do confronto, as vezes que um time escapava o outro se recuperava. Na reta final, Kristaps Porzingis anotou uma bola de três que poderia ser a vencedora, mas mesmo com o erro de LeBron James numa tentativa do perímetro, Wayne Ellington matou a bola da zona morta e garantiu a prorrogação. No ‘overtime’ os times se alternaram na liderança, até que faltando 0.9 para o fim, Westbrook ligou Austin Reaves que acertou a cesta de 3 vencedora, dando um triunfo espetacular para os Lakers, que engatam a terceira vitória seguida. LeBron James foi o cestinha de LA com 24 pontos, enquanto Russell Westbrook se aproximou do triplo-duplo (23pts, 10reb e 9ast). Por Dallas, que não teve o lesionado Luka Doncic, Kristaps Porzingis foi o líder com 23 pontos e 12 rebotes.
 

Destaques do dia

Cestinha: Gordon Hayward com 41 pontos.

Melhor jogador: Russell Westbrook (23pts, 10reb, 9ast).

Jogada decisiva: Cesta de Austin Reaves que deu a vitória aos Lakers na prorrogação.

Melhor atuação coletiva: Cleveland Cavaliers.

Pegou o elevador: Cleveland Cavaliers, que já é o quarto colocado no Leste.

Sinal amarelo: Denver Nuggets, que vem cheio de altos e baixos e perdeu em casa um confronto direto.

Sinal vermelho: Washington Wizards, que está despencando na tabela.

Sinal verde: Utah Jazz, o time mais quente do momento.

Menções honrosas: 

Jogador - Gabe Vincent (27 pontos) e a melhor partida da carreira.

Time - Los Angeles Lakers, que aos poucos parece entrar nos trilhos.
 

Confira todos os resultados desta quarta-feira (15)

Houston Rockets 89-124 Cleveland Cavaliers

Atlanta Hawks 111-99 Orlando Magic

Miami Heat 101-96 Philadelphia 76ers

Los Angeles Lakers 107-104 Dallas Mavericks (OT)

Indiana Pacers 99-114 Milwaukee Bucks

New Orleans Pelicans 113-110 Oklahoma City Thunder

Charlotte Hornets 131-115 San Antonio Spurs

Minnesota Timberwolves 124-107 Denver Nuggets

Los Angeles Clippers 103-124 Utah Jazz

Memphis Grizzlies 113-103 Portland Trail Blazers 

Washington Wizards 105-119 Sacramento Kings