Conteúdo

Com golaço de Neymar, PSG vence o Marseille e fica a uma vitória do título francês

17 de abril de 2022

(por Matheus Correia)

Neste domingo (17), o líder PSG recebeu o vice-líder Marseille no Parc des Princes em partida válida pela 32ª rodada da Ligue 1. Com uma boa atuação defensiva, a equipe de Paris não esteve em seu ápice criativo, mas conquistou a vitória em um confronto que teve o VAR como protagonista.

O Paris Saint-Germain abriu o placar logo no início da partida; Verratti executou um lindo lançamento para Neymar na grande área e o brasileiro conseguiu sair na frente dos marcadores, dando um toque providencial na bola que encobriu o goleiro Pau Lopez e encontrou o fundo da rede.

Após o gol, a equipe de Paris passou a deixar o Marseille com a posse, pressionando pouco a saída de bola e procurando desarmar em uma posição mais recuada, na tentativa de pegar a defesa desarrumada em uma jogada de contra-ataque.

O Marseille tinha muita dificuldade em criar jogadas, sentindo a ausência de um armador, já que no meio-campo, Guendouzi e Gerson criavam pouco e o jogador com maior capacidade de construção no time, Payet, estava isolado entre os defensores e dificilmente pegava na bola.

No entanto, a equipe visitante conseguiu chegar ao empate em uma jogada de bola parada. Após cobrança de escanteio, Donnarumma saiu mal do gol e viu a bola cair nos pés de Luan Peres. O brasileiro tentou chutar e foi desarmado – a sobra ficou com o zagueiro Caleta-Car, que empurrou para o gol aberto.

O PSG teve duas boas oportunidades de desempatar o placar: a primeira em uma cobrança de falta de Neymar, que exigiu uma defesa difícil de Pau Lopez; e a segunda com Mbappé, que aproveitou um cruzamento de Marquinhos e deu uma casquinha na bola, tirando tinta da trave do Olympique.

Na reta final da primeira etapa, Messi balançou a rede duas vezes, mas em ambas as ocasiões, houve impedimento na jogada e os gols foram anulados.

Já nos acréscimos, Neymar chutou de fora da área e a bola bateu no braço de Rongier. Após análise no VAR, o árbitro decretou penalidade máxima. Mbappé foi para a cobrança e não desperdiçou, ampliando o placar no Parc des Princes.

O segundo tempo foi muito menos intenso e técnico. Sabendo da qualidade do adversário, o PSG evitava arriscar tanto e tinha uma postura mais segura em campo, executando mais ações defensivas do que de costume.

Por outro lado, o Marseille criava pouquíssimo e a frustração passou a tomar conta do time, que errava passes fáceis e permitia contra-ataques frequentes dos parisienses.

Já nos minutos finais, o Olympique “achou” um gol após cobrança de falta de Payet. Saliba subiu alto e mandou para o fundo da rede, mas estava em posição ilegal no momento em que a bola saiu dos pés do camisa 10 francês. Portanto, o tento foi anulado.

Resultado: Paris Saint-Germain 2 – 1 Marseille

Partida justa do Paris, que mostrou saber jogar futebol mesmo em um dia pouco inspirado de Messi e Mbappé. A vitória deixa a equipe de Pochettino a uma vitória do título francês. O próximo adversário dos parisienses será o Angers, em partida que acontecerá nesta quarta-feira (20).