Conteúdo

(por Layo Lucena)

 

 

O grupo de novatos da MLB da temporada passada é recheado de jogadores extremamente talentosos. Mas será que essa classe pode ser considerada uma das melhores na história da liga? Talvez.


Nesta lista recordaremos os novatos que mais se destacaram em 2019. Você verá o motivo desses jogadores serem tão especiais. De Pete Alonso, uma das sensações da temporada passada, a Bo Bichette, a grande surpresa desta classe.

 

Pete Alonso, 25, 1B, New York Mets


Pete Alonso chegou só em 2019, mas já se tornou uma das sensações da atual MLB. Alonso, apelidado de Urso Polar, foi o primeiro jogador dos Mets a atingir 50 ou mais home runs em uma única temporada. Além disso, o camisa 20 do time nova-iorquino quebrou o recorde de mais home runs rebatidos por um novato na liga (53).

Alonso terminou a temporada passada com 53 home runs, 120 corridas impulsionadas, 103 corridas individuais e 155 rebatidas válidas em 597 idas ao bastão. Pete ainda foi membro do primeiro time da MLB, All-Star e vencedor do prêmio de Novato do Ano da Liga Nacional.

 

Yordan Álvarez, 22, 1B/OF/DH, Houston Astros


O dinâmico Yordan Álvarez também é um dos destaques da classe de novatos de 2019. Após sua estreia na MLB, em junho, Álvarez, mesmo com a polêmica de roubo sinais do Houston Astros, pode ser considerado um jogador com um futuro brilhante à sua frente.  


O camisa 44 de Houston finalizou a última temporada com 27 home runs, 78 corridas impulsionadas, 58 corridas individuais e 98 rebatidas válidas em 313 idas ao bastão. Álvarez entrou para o segundo time de toda MLB em 2019, além de levar o prêmio de Novato do Ano da Liga Americana.

 

Bo Bichette, 22, SS, Toronto Blue Jays


O brasileiro/americano foi uma das surpresas de 2019. Bichette estreou, e não demorou para entrar para fazer história. Bichette se tornou o primeiro jogador na história da MLB a ter 10 rebatidas de múltiplas bases em apenas nove jogos disputados. Além disso, o camisa 11 de Toronto se juntou a Yadier Molina e Derrick Lee como os únicos jogadores a rebaterem para múltiplas bases em oito jogos seguidos, quebrando também o recorde da franquia canadense atingido por Carlos Delgado (2000).
 

Bichette também surpreendeu ao rebater dois home runs seguidos em Clayton Kershaw, em um duelo contra o Los Angeles Dodgers. Bichette atuou por 46 jogos em 2019, nos quais acumulou 11 home runs, 21 corridas impulsionadas, 32 corridas individuais e 61 rebatidas válidas.

 

Fernando Tatís Jr, 21, SS, San Diego Padres


O dominicano Fernando Tatís Jr. é um dos mais novos nesta lista, porém, foi um dos grandes destaques dos Padres na última temporada. Tatís é um exemplo de jogador completo, excelente tanto no ataque, com suas explosivas rebatidas, quanto na defesa, com sua agilidade e força no braço.
 

Tatís Jr, camisa 23 do San Diego Padres, estreou em março de 2019. Desde então, colecionou 22 home runs, 53 corridas impulsionadas, 61 corridas individuais e 106 rebatidas válidas em 334 idas ao bastão.

 

Aristides Aquino, 26, OF, Cincinnati Reds
 

Você pode não conhecer ele, mas Aristides Aquino chamou a atenção da liga após rebater sete home runs em 10 jogos, igualando o recorde de Trevor Story. Porém, Aquino não parou por aí. O camisa 44 de Cincinnati se tornou o primeiro novato na história da MLB a rebater três home runs em três entradas consecutivas. Além disso, “O Justiceiro”, como é conhecido, também se tornou o segundo novato a acertar três home runs em apenas 10 jogos.
 

Em 2019, Aquino alcançou as marcas de 19 home runs, 47 corridas impulsionadas, 31 corridas individuais e 53 rebatidas válidas em 205 idas ao bastão.

 

Vladimir Guerrero Jr, 21, 3B, Toronto Blue Jays
 

Vlad Guerrero Jr estreou em 2019 pela liga, mas não conseguiu alcançar as expectativas criadas ao seu redor. Porém, Guerrero Jr ainda é considerado o prospecto número um de toda a MLB. O camisa 27 dos Blue Jays ainda tem uma longa trajetória na MLB e, nas próximas temporadas, deve se tornar um dos grandes nomes da liga.
 

Em seu primeiro ano como profissional, Guerrero Jr. acumulou 15 home runs, 69 corridas impulsionadas, 52 corridas individuais e 125 rebatidas válidas em 464 idas ao bastão.

 

Mike Soroka, 22, P, Atlanta Braves
 

Mike Soroka, do Atlanta Braves, é o primeiro arremessador desta lista. Soroka teve uma incrível temporada de 2019. Como exemplo disso, o camisa 40 terminou a temporada passada em sexto colocado na briga pelo Cy Young da Liga Nacional, prêmio dado ao melhor arremessador das duas ligas (Americana e Nacional).
 

Soroka conquistou 13 vitórias em 29 jogos como titular dos Braves, nos quais colecionou 142 strikeouts e um ERA de 2.68. Além disso, Soroka foi All-Star e membro do segundo time geral da MLB.

 

Chris Paddack, 24, P, San Diego Padres


Chris Paddack fecha a participação de arremessadores na nossa lista. Paddack enfrentou muitas lesões em suas primeiras temporadas na liga. No entanto, em 2019, pelos Padres, Paddack foi capaz de assegurar uma vaga na rotação titular da equipe. A partir daí, o camisa 59 só demonstrou todo seu talento com arremessos rápidos e curvas afiadas.


Em 2019, o arremessador da equipe de San Diego atuou em 26 jogos, nos quais conquistou nove vitórias, sete derrotas, 153 strikeouts e um ERA de 3.33.

 

Menções Honrosas
 

Brandon Lowe, 25, 2B, Tampa Bay Rays

Víctor Robles, 23, OF, Washington Nationals

Will Smith, 25, C, Los Angeles Dodgers

Alex Verdugo, 24, OF, Los Angeles Dodgers

Keston Hiura, 23, 2B, Milwaukee Brewers