Conteúdo

Chelsea vence Tottenham com gol de Thiago Silva, além de “pintura” e grande atuação de Ziyech

23 de janeiro de 2022

(por João Zarif)

O Chelsea recebeu o Tottenham, em Stamford Bridge, pela Premier League, para um dos clássicos mais tradicionais de Londres e também da Inglaterra. A equipe da casa não vencia há 4 rodadas e tinha a chance de diminuir a vantagem para o líder Manchester City, que empatou no sábado com o Southampton. Já os visitantes vinham de uma vitória épica contra o Leicester, quando fizeram dois gols nos acréscimos e viraram a partida para 3-2 fora de casa.

O jogo começou quente e logo aos 3', Ziyech cruzou da direita e Odoi cabeceou pra fora no segundo pau. Aos 10', novamente com Ziyech, o Chelsea teve mais uma chance, quando o atleta puxou pro meio da direita e bateu de fora obrigando Lloris à espalmar pra longe. Aos 13', Winks arrancou pela direita, veio pro meio e bateu de esquerda da entrada da área, vendo Kepa defender com tranquilidade no chão. 

O jogo caiu de rendimento mesmo com os mais de 70% de posse do Chelsea. Aos 40', o lance mais polêmico do primeiro tempo. Sessegnon escapou pela esquerda e cruzou por baixo para Kane, que sozinho dominou e bateu pro gol na saída de Kepa, mas o juiz apitou falta em Thiago Silva. No replay, ficou claro o empurrão de Kane para deslocar e tirar Thiago Silva da jogada. Gol bem anulado, e fim do primeiro tempo sem grandes emoções com o placar em zero.

Na volta do intervalo, um show. No segundo minuto, Odoi escapou pela esquerda, e inverteu o jogo por baixo, nos pés de Ziyech. Ele dominou e bateu colocado no ângulo direito de Lloris, que dó olhou e nada pôde fazer. 1-0 Chelsea com uma pintura de Ziyech. Aos 4', o marroquino pegou a sobra de fora da área e bateu de primeira, uma pancada, vendo Lloris fazer belíssima defesa no canto superior direito, evitando a segunda pintura do jogador do Chelsea em menos de 5 minutos.

O Chelsea não parou e, aos 8', Mount bateu de fora, por cima, com perigo após passe de Odoi vindo da direita. Logo em seguida Odoi sofreu falta cometida por Dier na esquerda. Mount colocou a bola na área e Thiago Silva apareceu no primeiro pau pra desviar e ver a bola entrar no canto esquerdo de Lloris. 2-0 no placar e um começo de segundo tempo de sonho para o time de Thomas Tuchel.

Aos 13', o Tottenham chegou pela primeira vez no segundo tempo. Sessegnon cruzou a bola sobrou para Skipp que tocou de cabeça pro meio da área e viu Bergwijn virar um voleio defendido com tranquilidade por Kepa. O jogo ficou aberto com o Tottenham precisando sair para buscar o resultado, mas apenas aos 23' tivemos um lance de perigo, quando Lukaku recebeu e girou em cima de Sanchéz e já dentro da área pelo lado esquerdo bateu para boa defesa de Lloris.

Os técnicos mexeram, o Chelsea estava satisfeito, e o Tottenham parecia conformado. Nenhum lance perigoso ameaçou mudar o placar, e o Chelsea encerrou a sequência recente ruim, e voltou a vencer. Agora o time está 10 pontos atrás do líder City, com um jogo a mais. Já o Tottenham perde a chance de entrar no G4 e estaciona na 7ª posição.

Final: Chelsea 2x0 Tottenham