Conteúdo

Celtics dominam os Nets em Nova Iorque e abrem 3 a 0 na série

23 de abril de 2022

(por Pedro Paulo Alves)

Após 2 jogos emocionantes e muito brigados no TD Garden, Boston Celtics e Brooklyn Nets se encontraram no Barclays Center para a terceira partida da série entre as duas equipes.

O jogo

O ritmo dos visitantes começou lento e, aos 5 minutos, Kevin Durant acertou uma bola de 3, colocou 12-5 no placar e obrigou Udoka a pedir seu primeiro tempo na noite. Após o ‘timeout’ a defesa celta voltou mais agressiva e Jayson Tatum apareceu no ataque, colocando uma sequência de 10-2 que obrigou Steve Nash a parar o relógio com 6 minutos para o fim da primeira parcial.

Na reta final do primeiro quarto uma alegria para os fãs de Boston com a volta de Robert Williams III, após 27 dias fora por contusão. No placar, 30-25 para os visitantes, após 12 minutos.

O segundo período começou com Kyrie Irving violando a regra dos 24 segundos e cometendo mais um turnover para Brooklyn. Enquanto isso, o banco de Boston aparecia no jogo e ampliava a vantagem para 12.

A primeira pontuação dos Nets no segundo quarto veio apenas com 8 minutos faltando para o intervalo. Se todos esperavam Kyrie Irving ou Kevin Durant liderando a equipe dos Nets na série, se surpreenderam mais uma vez com Bruce Brown aparecendo para manter a equipe da “big apple’ viva na partida. com 4 minutos para o os times irem aos vestiários, Brooklyn conseguiu aplicar uma ‘run’ de 14-7, forçar turnovers e obrigar Udoka a parar a partida novamente.

Após o ‘timeout’ Brooklyn continuou em um momento melhor e chegou a deixar a partida em 1 ponto após Jaylen Brown cometer turnover e Kevin Durant aproveitar a posse de bola, mas fomos para a parada com 53-50 em favor dos Celtics.

Aparentemente os minutos de intervalo não foram suficientes para passar orientação e, com apenas 1 minuto jogado no terceiro quarto, Steve Nash parou o relógio com o placar apontando 58-50 para Boston.

Conforme os minutos iam passando os Nets até conseguiam aproximar a vantagem, mas na hora de empatar a equipe cometia algum erro e os Celtics voltavam a se distanciar, mantendo em grande parte da parcial a vantagem. Com 5 minutos faltando para o fim do terceiro quarto, Kyrie Irving aparecia com quatro faltas e virava motivo de preocupação para Brooklyn. No minuto final do período Jaylen Brown entrou com tudo e mais um pouco para liderar os Celtics e colocar 9 pontos de frente para os visitantes, com 36 minutos jogados.

Faltando 10’ para o fim da partida, Kyrie Irving cometeu sua quinta falta e foi para o banco de reservas. Do outro lado, Jayson Tatum não fazia um bom quarto e, além de errar bastante no ataque, chegou à sua terceira falta.

Blake Griffin entrou pela primeira vez na série e estava quente no jogo, colocando duas bolas de 3 seguidas para cortar a vantagem para 4 pontos, mas com uma bola de 3 de Tatum e outra de Jaylen Brown, a diferença voltou a subir e Steve Nash foi obrigado a pedir tempo a 7 minutos para o fim.

Após o ‘timeout’ Grant Williams tratou de colocar a vantagem em dois dígitos de diferença. Faltando 4 minutos, Horford apareceu com uma bela bola de 3 para colocar seus primeiros tentos da noite e voltar a vantagem para 11.

Com 2:56, o Boston Celtics  deu uma demonstração do motivo de ter a melhor defesa da NBA em 2022, com um belo posicionamento para Jayson Tatum ficar com o rebote e em seguida colocar a partida em 15.

Os minutos finais ainda reservaram muitas moções com os Celtics errando três jogadas em sequência e Brooklyn conseguindo trazer a vantagem para cinco. Bruce Brown teve a chance de deixar em quatro, mas errou um dos dois lances livres que teve. Na última posse de bola os Nets nada conseguiram fazer e a vitória ficou com o Boston Celtics.

Fim de jogo: Boston Celtics 106-100 Brooklyn Nets


 

Os Celtics abrem 3-0 na série e podem garantir a vaga para a próxima fase dos playoffs na próxima segunda-feira, quando as 20h (horário de Brasília), voltam a enfrentar os Nets, no Brooklyn.

Os destaques da partida foram Jayson Tatum (39pts, 5reb, 6ast e 6 rdb) e Jaylen Brown (23pts e 5ast) pelos Celtics. Enquanto Bruce Brown (26pts e 8reb) foi o principal nome dos Nets.