Conteúdo

(por Rodrigo Mota)

O segundo split de 2021 do campeonato brasileiro de League of Legends (CBLOL) chegou à virada do primeiro turno neste sábado (3), e já iniciou o segundo turno neste domingo (4), confira como está a classificação e a situação dos times na competição:

Flamengo E-sports: Isolado na liderança, o rubro-negro vem se consolidando como um dos times mais fortes do cenário nacional. A equipe que já havia ido bem no último split, vem mostrando que não perdeu seu fôlego e agora vem em busca de uma campanha mais profunda nos playoffs.

paiN Gaming: A vencedora do último split da competição, também vem mostrando que pode incomodar, e com uma line-up madura e eficiente, é um time que sempre pode chegar e cresce quando se fala de pós-temporada.

Vorax Liberty: A equipe que fez a última final de CBLOL (juntamente da paiN) vem surgindo como terceira força na competição. Embora não tenha o “peso” na sua line-up como a do Flamengo ou da paiN, a Vorax vem crescendo e se consolidando como um possível candidato ao título.

Loud: A Loud foi uma equipe que fez um bom último split neste ano, mas teve seus problemas de inconsistência. Mesmo com isso, o time tem jogadores cascudos que gostam de aparecer em grandes jogos (como nesta semana tirando a invencibilidade do Flamengo) e podem surpreender mais para frente na competição.

Red Kalunga: A “matilha” também tem enfrentado seus problemas de inconsistência, assim como no primeiro split do ano e isso explica a posição que a equipe ocupa na tabela. De qualquer forma, a Red tem feito boas atuações, e se conseguir se endireitar no próprio game, pode incomodar.

Kabum! E-sports: Os ninjas também tem sofrido com sua inconsistência, mas ainda assim a equipe não tem um poderio de fogo tão grande. O time deverá brigar por uma das últimas vagas dos playoffs e pintar como franco atirador na próxima fase.

Rensga: Os Cowboys começaram bem o split, mas acabaram perdendo o pique e caindo na tabela. No entanto, a equipe deu uma respirada e vem em busca de uma vaga nos playoffs.

INTZ: Os Intrépidos vão de mal a pior na competição. Mais um split que a line-up não consegue se encontra, o que dá indício de uma possível renovação em um futuro breve. Apesar de tudo, é uma equipe que conta com jogadores já consolidados e, quem sabe, pode dar a volta por cima em busca de uma classificação, e, talvez, até um título.

Netshoes Miners: A equipe teve um início ruim na competição, mas conseguiu vencer três das suas últimas quatro partidas. Se conseguir embalar uma boa sequência, pode brigar pelo meio da tabela e brigar pela vaga nos playoffs.

Furia: Na lanterna da competição, a Furia não tem tido vida fácil no split. A equipe não conseguiu se encaixar na competição e vem de quatro derrotas seguidas para amargar a última posição na tabela.