Conteúdo

Bubba Wallace é ameaçado e recebe corda com laço de enforcamento em sua garagem

22 de junho de 2020

(por Sérgio Viana)

 

Os Estados Unidos estão há mais de 15 dias sob o impacto dos protestos contra a morte de George Floyd, mas parece que o sistema resiste. Bubba Wallace, único piloto negro da NASCAR, recebeu uma ameaça de morte. Uma corda com laço de enforcamento foi encontrada na garagem do piloto, um dia depois de protestos anti-rascistas durante o fim de semana em Talladega.

A NASCAR saiu em defesa do piloto e abriu investigação para identificar os responsáveis. "Estamos bravos e indignados, e não conseguimos colocar em palavras o quão sério levaremos esse ato hediondo. Lançamos imediatamente uma investigação e vamos fazer tudo em nosso poder para identificar a(s) pessoa(s) responsáveis, e eliminá-los do esporte"."Como já dissemos anteriormente, não há lugar para o racismo na NASCAR, e atos como esse apenas reforçam nossa vontade de tornar o esporte aberto e receptivo para todos", escreveu a direção da entidade em comunicado.

Bubba Wallace também se pronunciou: "O ato deplorável de racismo e ódio desta noite me deixa muito triste, e serve como um doloroso lembrete do quanto ainda precisamos andar como sociedade, e o quão persistente precisamos ser na luta contra o racismo", disse.

O esporte sempre teve seu papel de dar voz às demandas da sociedade e situações como essa não podem ser toleradas sob nenhuma aspecto. Nosso apoio ao Bubba e o nosso repúdio a qualquer manifestação racista, dentro ou fora do esporte.