Conteúdo

Bottas segura Verstappen e vence Sprint Race em Interlagos; Hamilton larga em décimo

13 de novembro de 2021

(por Mattheus Prudente)

A Fórmula 1 realizou o terceiro experimento de Sprint Race em Interlagos, e Valtteri Bottas venceu a corrida após uma boa largada, deixando Max Verstappen para trás na largada e segurando o líder do campeonato durante o resto das voltas. Carlos Sainz foi o terceiro após também fazer uma boa largada. Punido por irregularidades no DRS durante a classificação, Lewis Hamilton largou em último depois de ser desclassificado, mas deu um show de ultrapassagens e terminou em quinto. O britânico começa em décimo no domingo por conta da punição por troca do motor de combustão. 

Com Bottas em segundo e tendo a preferência no S do Senna, Verstappen não fez menção de lutar pela posição após o finlandês largar melhor, sendo ultrapassado, logo depois, por Sainz, que pulou na frente da Red Bull de Sergio Perez. Lá atrás, Hamilton tracionou por fora e ganhou quatro posições, já pulando na frente dos carros mais lentos do grid. 

O único incidente da corrida aconteceu quando os carros da Alfa Romeo de Antonio Giovinazzi e Kimi Raikkonen colidiram, deixando Raikkonen em último. Lá na frente, Verstappen logo recuperou a posição que era de Sainz, e Lando Norris ultrapassou Charles Leclerc, colocando sua McLaren em quinto. 

Hamilton não tinha muitos problemas em escalar o pelotão e, apesar de ficar um pouco preso em Daniel Ricciardo, logo ultrapassou o piloto australiano, entrando nos 10 primeiros. Enquanto isso, Verstappen se aproximava de Bottas, enquanto Perez também tentava passar por Sainz, mostrando uma diferença clara de desgaste entre os pneus macios e pneus médios. 

Indo para a parte final da corrida, Verstappen estava em posição para atacar Bottas, mas o seu engenheiro falava para o holandês “ter paciência” para ir ao ataque, enquanto Hamilton chegava com muita potência na Ferrari de Leclerc, que era a sexta colocada. Sainz continuava segurando Perez na terceira posição, frustrando a Red Bull. 

No final, Verstappen decidiu seguir as ordens de seu engenheiro e segurar o ataque em cima de Bottas, enquanto Hamilton ultrapassou Leclerc e Norris para se colocar na quinta colocação. Mesmo com chances de abrir a asa móvel no final, Max não foi para um ataque deliberado em Bottas, e o finlandês garantiu a vitória, ganhando um empolgado grito de “gol” de seu engenheiro ao cruzar a linha de chegada. 

Confira o grid de classificação para o GP de São Paulo neste domingo: 

1º - Valtteri Bottas (Mercedes) 
2º - Max Verstappen (Red Bull) 
3º - Carlos Sainz (Ferrari) 
4º - Sergio Perez (Red Bull) 
5º - Lando Norris (McLaren) 
6º - Charles Leclerc (Ferrari) 
7º - Pierre Gasly (AlphaTauri) 
8º - Esteban Ocon (Alpine) 
9º - Sebastian Vettel (Aston Martin) 
10º - Lewis Hamilton (Mercedes – punido em 5 posições) 
11º - Daniel Ricciardo (McLaren) 
12º - Fernando Alonso (Alpine) 
13º - Antonio Giovinazzi (Alfa Romeo) 
14º - Lance Stroll (Aston Martin) 
15º - Yuki Tsunoda (AlphaTauri) 
16º - Nicholas Latifi (Williams) 
17º - George Russell (Williams) 
18º - Kimi Raikkonen (Alfa Romeo) 
19º - Mick Schumacher (Haas) 
20º - Nikita Mazepin (Haas)