Conteúdo

Bills dominam, e vencem Seahawks

9 de novembro de 2020

(por Edmar Jardim)
 

Bills e Seahawks se enfrentaram pela semana 10 da NFL, em Buffalo. Com campanhas excelentes de ambos os times, o duelo era um dos mais esperados da rodada.

A equipe da casa começou com tudo, e em uma campanha relâmpago com um retorno de kickoff magistral e 4 passes, anotou o primeiro touchdown. Josh Allen encontrou Isiah Mckenzie na endzone.

Russell Wilson não teve resposta e o ataque dos Bills não perdoou novamente. Campanha longa, com controle da bola, variação de jogadas de ataque, e nenhuma reação da defesa de Seattle. Passe de Allen para Tyler Kroft, e 14-0 para Buffalo em poucos minutos.  

A equipe dos Seahawks resolveu acordar pro jogo. Wilson usou todos os seus recebedores e corredores disponíveis, com chamadas rápidas e ótimas leituras pré-snap da defesa dos Bills. Seria a campanha pra recolocar a equipe no jogo, não fosse a interceptação à beira do gol, em uma 4th&1.

No drive seguinte, quando parecia que o ataque dos Bills daria mais um baile na defesa, finalmente houve alguma resistência, limitando Buffalo a um field goal. 17-0, e um cenário completamente diferente do equilíbrio esperado entre duas das melhores equipes no ano.

Wilson e Metcalf resolveram dar o ar da graça novamente, mas dessa vez o resultado obtido foi o esperado. Conseguiram a primeira conexão em profundidade, e avançaram para a beira da endzone, onde em uma 4th&goal Wilson valeu-se do qb sneak para anotar. 17-7.

O nível de desafio para o ataque dos Bills contra a defesa dos Seahawks permanecia inexistente. Algumas jogadas pareciam até treino, quando o contato é menor e controlado. Josh Allen não tinha qualquer dificuldade em encontrar todos os seus recebedores, principalmente Stefon Diggs, em rotas simples. Jamal Adams, grande reforço de Seattle pro jogo não dava sinal de vida. Passe de Allen, recepção de Gabriel Davis. 24-7.

Pouco mais de 4 minutos para Wilson diminuir a vantagem ainda no primeiro tempo. Mas, apenas 3 pontos no placar. Field goal de Jason Myers. 24-10. Tremaine Edmunds se destacava a cada drive defensivo dos Bills. Atuação monstruosa.

Halftime: Bills 24-10 Seahawks

A jornada caótica de Seattle prosseguiu no terceiro quarto. Sack em Wilson, fumble, e a recuperação de bola por parte de Buffalo já na primeira posse, convertida em mais 3 pontos para os Bills. 27-10.

No dia em que renovou seu contrato por mais 5 anos, Pete Carroll viu seu ataque, não muito vivo até então, trazer alguma esperança ao torcedor, em uma campanha relativamente rápida que resultou no touchdown corrido do calouro Deejay Dallas, que novamente comandou o backfield nesta semana nas ausências de Carson e Hyde. 27-17,  2 posses de bola na diferença.

O relativamente sumido Jamal Adams apareceu. Sack violento após o vandalismo completo do pocket de Allen, matando a campanha. Demorou dois quartos, mas Adams lembrou das coisas bacanas que ele sabe fazer.

A vantagem caiu então para uma posse de bola, em mais um field goal de Myers, trazendo o placar para 27-20.

A defesa dos Seahawks parecia dar o ar da graça novamente, e tudo levava a crer que conseguiria parar Allen. Mas, só parecia. Em uma conversão de 3&16, os Bills ficaram na cara do gol, e não desperdiçaram com Zach Moss. 34-20 e pouco mais de 10 minutos por jogar.

Os Seahawks precisavam urgentemente de pontos, e conseguiram foi uma interceptação. Tentativa de Wilson para Metcalf, antecipada por Tre'Davious White. Na jogada seguinte, corrida de Allen para o TD. 41-20, consolidando a grande performance.

Com o desespero batendo à porta, Wilson lançou uma bomba de 55 jardas para David Moore, para um rápido touchdown. 41-27.

A partida tinha potencial pra ganhar em emoção, mas Wilson e os Seahawks não potencializaram. Houve tempo para mais um field goal dos Bills, e para mais uma campanha de Seattle que resultou em touchdown de D.K Metcalf.

Final: Buffalo Bills 44-34 Seattle Seahawks

Vitória dos donos da casa, em atuação de gala. Ambas as equipes seguem em plenas condições de confirmarem que vão aos playoffs.