Conteúdo

Avalanche vence com gol no último segundo, Flyers goleiam e goleiros roubam a cena

3 de agosto de 2020

(por Layo Lucena)
 

 

Confira os jogos de domingo (02/08) do pré-playoffs da NHL:
 

 
Arizona Coyotes 4 x 3 Nashville Predators (ARI 1 x 0 NSH)

 

Os Coyotes surpreenderam os favoritos Predators em uma partida emocionante. A equipe do Arizona dominou as ações no primeiro período, abrindo três gols de vantagem, porém, o time de Nashville “acordou” e colocou fogo no jogo ao marcar duas vezes no último período.

 

Com uma atuação impecável ofensivamente, os Coyotes não tiveram dificuldades em marcar três gols logo no primeiro período. Ekman Larsson, contando com um desvio “matador” do defensor rival, Dvorak, aproveitando um rebote de Saros, e Keller, após uma jogada rápida durante um power play, abriram uma vantagem esmagadora para o time visitante.

 

Nos três segundos finais do primeiro período, Forsberg, em um power play, acertou um longo disparo para descontar para os Predators. Porém, já no final do segundo período, Grabner, em um contra-ataque feroz, deslocou Saros para ampliar para o time da casa. 

 

No último período, os Predators não perderam tempo e, logo no minuto inicial, Ellis recolocou a equipe de volta ao jogo. A partir daí, o time Nashville foi mais ativo no ataque, sendo responsável pelas principais chances de gol. Ainda faltando 11 minutos no cronômetro, Forsberg, novamente, diminui a vantagem dos Coyotes para apenas um gol. Foi aí que a estrela de Kuemper, goleiro dos Coyotes, brilhou, fechando o gol até o zerar do relógio.

 

Christian Dvorak (Coyotes): um gol e uma assistência

 

Darcy Kuemper (Coyotes): 40 defesas

 

Filip Forsberg (Predators): dois gols

 

 

Philadelphia Flyers 4 x 1 Boston Bruins

 

Mais uma surpresa na rodada! Os Flyers conseguiram vencer os Bruins, graças a grande atuação de Carter Hart. O goleiro do Philadelphia Flyers de apenas 21 anos fechou o gol, terminando a partida com 34 defesas no total.

 

Os Bruins foram mais perigosos no primeiro período, porém, sempre paravam nas luvas de Hart. Os Flyers respondiam com contra-ataques rápidos, mas ineficientes. O placar se manteve imóvel até os primeiros cinco minutos do segundo período. Raffl não desperdiçou ao ficar na frente do goleiro após uma excelente passe de Sanheim, abrindo o marcador para os Flyers.

 

Cerca de quatro minutos depois, foi a vez de Raffl atuar como “garçom”, deixando Thompson livre para ampliar o placar para a equipe de Philadelphia. Já no fim do período, Wagner descontou para os Bruins depois de uma desatenção defensiva. No entanto, nos dois minutos finais, em um erro de passe, Myers aumentou para o time visitante. 

 

Já no último período, Laughton marcou mais um para o Philadelphia Flyers, aumentando a vantagem para três gols de diferença. A partir daí, Hart protagonizou inúmeras defesas ao parar todas as tentativas ofensivas da equipe de Boston. Os Flyers mantiveram a forte defesa até o fim da partida.

 

Carter Hart (Flyers): 34 defesas

 

Michael Raffl (Flyers): um gol e uma assistência

 

Ivan Provorov (Flyers): uma assistência    

 

 
St. Louis Blues 1 x 2 Colorado Avalanche

 

Avalanche e Blues realizaram um confronto extremamente equilibrado, com destaque para um duelo entre os dois goleiros. De um lado, Grubauer (Avalanche), responsável por 31 defesas, do outro, Binnington, responsável por 36 defesas. Ambos os goleiros tiveram um desempenho incrível, o que levou o jogo a ser decidido nos últimos lances, mais precisamente, no último segundo.

 

O Avalanche dominou grande parte do primeiro período. A equipe de Colorado criou e levou mais perigo ao gol do adversário, porém, por conta de uma penalidade, foram os Blues que abriram o placar. Após uma jogada bem trabalhada, Perron marcou o primeiro da partida, acertando um longo disparo. 

 

No segundo tempo, o Avalanche continuou a exercer seu domínio ofensivo, no entanto, sem conseguir mover o marcador. Já os Blues, passaram o segundo período se defendendo e, quando podiam, apostavam em contra-ataques rápidos.

 

No último período, Graves, em um ataque rápido, empatou o jogo. Com isso, as duas equipes se lançaram ao ataque, a partir daí, ambos os goleiros brilharam. Até o momento em que Kadri, em seus últimos esforços, já contando com uma prorrogação, aproveitou um power play para definir a partida para o Avalanche no último segundo.

 

Philipp Grubauer (Avalanche): 31 defesas

 

Nazem Kadri (Avalanche)::um gol      

 

Jordan Binnington (Blues):36 defesas

 

 
Columbus Blue Jackets 2 x 0 Toronto Maple Leafs (CBJ 1 x 0 TOR)

 

 

O duelo entre Blue Jackets e Maple Leafs, assim como em outros jogos desta rodada, também foi protagonizado por seus goleiros. Os Blue Jackets tomaram as “rédeas” do embate desde os primeiros minutos, mas paravam em Frederik Andersen, goleiro dos Maple Leafs. Assim como Andersen, Joonas Korpisalo, goleiro dos Blue Jackets, também apareceu quando exigido. No total, ambos os jogadores combinaram para 61 defesas.

 

A hegemonia dos goleiros se manteve pelos dois primeiros períodos do confronto. Ambas as equipes criaram boas oportunidade, no entanto, não foram capazes de movimentar o marcador, graças a Andersen (Maple Leafs) e Korpisalo (Blue Jackets).

 

Com apenas um minuto no cronômetro, já no último período, Atkinson tirou o zero do placar, finalmente, após colocar o puck entre as pernas de Andersen. Nos 20 segundos finais, já sem goleiro, Wennberg ampliou e confirmou a vitória dos Blue Jackets.

 

Joonas Korpisalo (Blue Jackets): 28 defesas

 

Cam Atkinson (Blue Jackets): um gol e uma assistências

 

Frederik Andersen (Maple Leafs): 33 defesas

 

 

Minnesota Wild 3 x 0 Vancouver Canucks (MIN 3 x 0 VAN)

 

O Wild dá um passo para a classificação ao vencer a primeira partida contra os Canucks. Esse é um dos confrontos mais equilibrados do pré-playoffs da NHL, e esse resultado deixa a equipe de Minnesota com um pé na próxima fase.

 

O grande nome do jogo ficou com Alex Stalock, goleiro do Wild. O camisa 32 foi responsável por 28 defesas. Jared Spurgeon, também da equipe de Minnesota, foi o outro destaque. O defensor foi importante para a conquista do resultado ao marcar dois gols e uma assistência.

 

Fiala abriu o placar para o Wild logo no início do primeiro período, após aproveitar um power play a favor do time visitante. No segundo tempo, em mais um power play para a equipe de Minnesota, Spurgeon ampliou. Já nos segundos finais do último período, Spurgeon marcou novamente, desta vez sacramentando o resultado para o Minnesota Wild.

 

Alex Stalock (Wild): 28 defesas

 

Jared Spurgeon (Wild): dois gols e uma assistência

 

Kevin Fiala (Wild): um gol