Conteúdo

Atacante Silas Mvumpa, do Stuttgart, é suspenso por usar identidade falsa

13 de junho de 2021

(por Diego Dias)

A Federação Alemã de Futebol (DFB) anunciou na última sexta-feira (11) o banimento do congolês Silas Katompa Mvumpa, do Stuttgart, por três meses após o atacante admitir que usou identidade falsa. O jogador também recebeu uma multa de 30 mil euros. Com o afastamento, Mvumpa irá desfalcar o Stuttgart nas primeiras quatro semanas da Bundesliga, que terá o pontapé inicial em 13 de agosto.

Mvumpa usava o nome de Silas Wamangituka e também alterou a data de nascimento para 6 de outubro de 1998, um ano depois da data verdadeira. O jogador afirmou ter feito as mudanças sob influência de seu antigo empresário e recentemente comunicou ao Stuttgart o que havia feito. O clube alemão manifestou apoio ao jogador, mas notificou a DFB para evitar punições à equipe durante o campeonato.

Em nota, Silas disse que temia por sua família no Congo e admitiu que tomar a decisão de tornar pública sua história foi "muito difícil", além de agradecer o apoio do Stuttgart, clube que defende desde 2019 depois de chegar do Paris FC, da Ligue 2 (segunda divisão francesa).

Em 27 partidas pelo Stuttgart na última temporada, foram 13 gols marcados pelo jovem congolês.