Conteúdo

AO - Dia 4: Triunfos de Medvedev e Tsitsipas em quatro sets e quedas de Murray e Schwartzman

20 de janeiro de 2022

(Por Leonardo Costa)

 

A segunda rodada chegou ao fim e foram conhecidos os últimos tenistas que avançaram para a fase de 16 avos. O dia foi marcado por poucas surpresas, sendo a derrota de Diego Schwartzman a mais sentida, enquanto que Murray, apesar de não estar entre os favoritos, também acabou eliminado. Por outro lado, Medvedev e Tsitsipas tiveram atuações de altos e baixos, mas garantiram classificação. Confira o resumo.

(4º) Stefanos Tsitsipas 3 x 1 Sebastian Baez (88º)

Diante de uma das promessas do tênis argentino, Stefanos Tsitsipas demorou a engrenar e encontrar seu melhor jogo. Parte dessa dificuldade veio pela boa atuação de Sebastian Baez, sobretudo nos dois primeiros sets. Porém, no fim valeu a experiência e qualidade do grego, que venceu com parciais de 7-6/6-7/6-3/6-4. O próximo rival de Tsitsipas será o francês Benoit Paire (56º), algoz de Thiago Monteiro na primeira rodada e que passou pelo favorito Grigor Dimitrov (28º) em quatro sets. Em cinco partidas entre eles, o grego venceu as últimas quatro.

(2º) Daniil Medvedev 3 x 1 Nick Kyrgios (115º)

Considerado o tenista com um ranking bem acima de seu potencial, Nick Kyrgios, que já foi top-15 do mundo, jogava em casa e com o apoio da torcida e até roubou um set de Daniil Medvedev, mas a consistência do rival russo prevaleceu. Medvedev, principal favorito ao título do AO, venceu em quatro sets com parciais de 7-6/6-4/4-6/6-2, e agora enfrenta o holandes Botic Van De Zandschulp, que contou com a desistencia de Richard Gasquet no terceiro set para avançar de fase. No único duelo entre eles, melhor para o russo, que venceu em quatro sets no US Open de 2021.

(175º) Christopher O'Connell 3 x 0 Diego Schwatzman (13º)

Um dos convidados pela federação local, o australiano Christopher O'Connell conquistou uma suas maiores vitórias na carreira. Aos 27 anos, o tenista não deu chances para Diego Schwartzman, fulminando o argentino em set diretos, com parciais de 7-6/6-4/6-4 após 3h10' de partida. Na próxima fase, O'Connell medirá forças contra Maxime Cressy (70º), dos Estados Unidos, que venceu o tcheco Tomas Machac (132º) em quatro sets e segue em franca ascensão no ranking. Será o primeiro duelo entre eles no circuito.

(120º) Taro Daniel 3 x 0 Andy Murray (113º)

Vindo de uma batalha de cinco sets na primeira rodada, Andy Murray, um dos tenistas mais festejados em Melbourne, sucumbiu ao japones Taro Daniel, que foi certeiro nos momentos decisivos e segue vivo na competição. Daniel venceu em sets diretos por um triplo 6-4 após 2h49' de jogo, e agora enfrenta o italiano Jannik Sinner (10º), que despachou Steve Johnson (104º) em grande atuação, no que será o primeiro embate entre eles no circuito.

Outros resultados do dia no Australian Open

M. Cilic (CRO) 3 x 1 N. Gombos (ESQ)

A. Rublev (RUS) 3 x 0 R. Berankis (LIT)

D. Evans (GRB) W.O A. Rinderknech (FRA)

P. Andújar (ESP) 3 x 1 A. Molcan (ESQ)

T. Fritz (EUA) 3 x 0 F. Tiafoe (EUA)

R. Bautista-Agut (ESP) 3 x 0 P. Kohlscreiber (ALE)

F. Auger-Aliassime (CAN) 3 x 1 A. Davidovich-Fokina (ESP)

A. de Minaur (AUS) 3 x 0 K. Majchrzak (POL)