Conteúdo

Alonso acredita que Verstappen contou com a sorte para ser campeão e coloca Hamilton "em outro nível”

18 de dezembro de 2021

(por Rafael Lima)
 

Fernando Alonso comentou sobre o desfecho da temporada 2021 da Fórmula 1e afirmou que estava torcendo um pouco mais para Max Verstappen ser campeão pelo ineditismo da conquista. “Eu torci um pouco mais, digo 51 a 49, para o Max, e fui claro desde o início”, disse Alonso. “Eu pensei nisso ao longo da temporada, existiram alguns momentos a mais de azar para o Max do que para o Lewis. E o novo, às vezes, é mais atrativo do que o velho. Um novo campeão é bom quando você vê as marcas. Se Max vencer, um dia, quatro ou cinco campeonatos, um novo cara vai vir e vai ser a grande atração. É o que eu sinto agora”, completou.

Apesar disso, Alonso lamentou a forma com que Hamilton perdeu o título e rasgou elogios ao britânico. “Claro [que lamento], porque Lewis [Hamilton] estava pilotando em outro nível, especialmente na segunda metade do campeonato”, comentou Alonso. “A Mercedes tinha um carro mais rápido, sim, mas Valtteri [Bottas] não estava em segundo. Era Lewis que estava colocando aquela performance. Então, quando você perde um campeonato por causa do safety-car no último momento, é claro, você sente um pouco de pena”, explicou o espanhol.

Já sobre Verstappen, Fernando Alonso falou que o holandês teve sorte na última prova da temporada. “Era uma questão de tempo até que ele ganhasse o troféu”, disse Alonso. “Ele teve sorte. Sem o safety-car, Lewis era campeão. Com o safety-car, Max é o campeão. É uma pura questão de sorte. Se você pega as 22 corridas, qualquer um dos dois poderia ser o campeão. Mais do que em qualquer outro ano, se você pudesse dividir a taça em duas, esse seria o ano a fazer”. Comentou o bicampeão.