Conteúdo

Alfa Romeo ressalta liderança de Valtteri Bottas

5 de junho de 2022

(por Rafael Lima)

Valtteri Bottas parece estar se acostumando com a posição de primeiro piloto de uma equipe e os resultados vem sendo satisfatórios dentro e fora das pistas.

O chefe da Alfa Romeo, Fréderic Vasseur destacou a liderança de Bottas em seu time. “Não estou surpreso. Temos uma relação profissional há 15 anos, Valtteri guiou para mim em 2008 e 2009. Conhecemos um ao outro muito bem e sempre mantivemos contato. Não quero traçar comparações com a Mercedes, porque eles foram campeões sete anos seguidos, mas ele sempre esteve na sombra de Hamilton. Eu estava convencido de que ele seria diferente quando se tornasse o líder. Acho que tomou essa direção”, afirmou o chefe da equipe.

“Para mim, tem feito um trabalho perfeito desde o começo da temporada. Tivemos alguns problemas no começo, mas isso foi porque nos faltou quilometragem nos testes de pré-temporada. Valtteri tem feito um trabalho fantástico”, seguiu Vasseur. “O valor que ele trouxe à equipe é muito maior fora do carro: é nas reuniões e na fábrica. É um fato que ele sempre pensa na equipe e não nele mesmo. Está sempre pensando tirar o máximo de 500 pessoas que trabalham em nossa fábrica. Todas as vezes que ele vai ao simulador [na Suíça] passa duas horas fazendo um tour na fábrica, departamento por departamento. Está tentando motivar o pessoal, é a parte invisível do trabalho, mas para mim é ótimo”, elogiou.

Além disso, Vasseur também ressaltou o fato da diferença que Bottas faz para a equipe. “Somos uma equipe menor que as outras porque temos mais ou menos 250 pessoas a menos que equipes como Alpine e Williams. Precisamos do melhor de todo mundo. Valtteri e também [Guanyu] Zhou estão fazendo um trabalho fantástico. Está convencido de que motivar é parte do trabalho dele. Quando ele chega, sobe no palco e fala com todo mundo. É muito difícil colocar um preço e comparar com o valor do tempo de volta, mas é crucial. Temos de ser mais reativos e eficientes que outras equipes, porque somos menores. Para mim, é um valor agregado de mega importância”, explicou.

E, para completar, o chefe da Alfa Romeu ainda falou da motivação que o piloto finlandês traz para o time. “Motiva todo mundo na equipe, desde os guardas até o pessoal de produção, engenheiros, aerodinamicistas e os departamentos de marketing e finanças. Em nosso negócio, as coisas funcionam um pouco diferentes de outras companhias do mundo. Outras companhia têm balanços quadrimestrais, algo assim, mas temos revisões semanais que também são públicas”, explicou. “Depois, encontramos os jornalistas quando as coisas vão mal. O mais importante para mim, entretanto, é que o estafe seja convencido de que é parte do resultado. Se acharem que não são, perdem parte da motivação. Se trabalharmos bem como equipe, aparecemos mais, atraímos mais patrocinadores e temos mais orçamento para desenvolvimento. É a chave do sucesso. Bottas consegue transmitir isso para a fábrica”, completou o chefe.