Conteúdo

Ajax domina, mas esbarra em Pau López e vê Roma vencer de virada

8 de abril de 2021

(por Felipe Tostes)
 

Chegamos às quartas de finais da UEFA Europa League, Ajax e Roma abriram o confronto por uma vaga diretamente da Johan Cruijff Arena, na Holanda. O Ajax vem embalado de uma liderança isolada e título quase assegurado na Eredivisie, enquanto a Roma aposta todas suas fichas na competição europeia, já que a equipe amarga uma indigesta sétima colocação em sua competição nacional.

A partida em Amsterdam começou de forma bem estudada, o Ajax controlava a posse da bola e tentava buscar espaços na defesa italiana, que jogava no seu tradicional esquema de 3 zagueiros. Enquanto isso, a Roma buscava sair em velocidade no contra-ataque, principalmente com Spinazzola, e assim que foi criada a primeira grande chance da partida, aos 15 minutos, Cristante arriscou um belo chute de fora da área, obrigando o jovem goleiro Scherpen a fazer uma bela defesa.

A equipe da casa continuava controlando o jogo, e insistia muito em jogar pelo seu lado esquerdo com a dupla David Neres e Gravenberch para aproveitar os espaços nas costas de Bruno Peres, só que mesmo assim os holandeses não conseguiam transformar essa superioridade em chances de gol.

Aos 28 minutos, a Roma sofreu um duro golpe, Spinazzola que vinha sendo sua principal válvula de escape sentiu a coxa e teve que sair de campo, dando lugar a Calafiori.

O Ajax se aproveitou desta brecha e inverteu seu jogo, logo na sequência, Antony criou uma jogada que acabou em uma finalização para fora de Tadic. E não demorou muito para os comandados de Erik ten Hag conseguissem abrir o placar, novamente pelo setor direito, agora com a defesa da Roma bagunçada, em uma tabelinha dentro da área entre Klaassen e Tadic os holandeses conseguiram abrir o placar com a finalização do próprio Klaassen.

Intervalo de jogo: Ajax 1x0 Roma
 

O segundo tempo de partida começou com o goleiro Pau López indo do inferno ao céu. Primeiro o arqueiro saiu jogando mal e deu a bola de graça para o Ajax, que quase dobrou o placar. Alguns minutos depois, o brasileiro Ibañez cometeu pênalti e Tadic foi para cobrança, o camisa 10 bateu mal, no meio do gol, ajudando assim López a fazer a defesa e conseguir sua redenção.

Os goleiros seguiram em evidência, dessa vez foi o gigante (2,04m) Scherpen que apareceu. Falta na entrada da área do Ajax, Pellegrini foi para cobrança e bateu rasteiro no canto direito do goleiro, este bateu roupa e aceitou, um grande frango que garantiu o gol de empate da Roma.

Após o empate, a Roma passou o cadeado e colocou todo o time para jogar atrás da linha da bola. Foi então que o goleiro Pau López se tornou o protagonista da partida, o espanhol fez três grandes defesas, dessas impedindo o que seriam dois golaços de Antony.

E como o futebol é engraçado, a Roma que havia abdicado de jogar e estava satisfeita com o empate conseguiu um escanteio, e este bastou, após a cobrança, Ibañez dominou a bola no peito e encheu o pé para estufar as redes holandesas, um golaço que garantiu a virada e sacramentou a vitória dos visitantes.


 

Fim de jogo: Ajax 1x2 Roma

 

A Roma consegue uma vitória inesperada dado o que foi a partida e leva um boa vantagem para o jogo de volta na capital italiana na próxima semana. Antes disso, no domingo, pelo campeonato italiano, os comandados de Paulo Fonseca recebem o Bologna no Estádio Olímpico de Roma.

Por outro lado, o Ajax impôs seu futebol ofensivo, principalmente no segundo tempo, mas esbarrou na partida inspirada do arqueiro adversário. No jogo de volta, os holandeses precisarão ser mais eficientes nas chances criadas se quiserem a classificação à semifinal. Também no domingo, o Ajax visita o RKC pelo campeonato holandês.