Conteúdo
×

Error message

  • Notice: Trying to access array offset on value of type bool in imagecache_token_tokens() (line 179 of /home/playmakerbr/playmakerbrasil.com.br/sites/all/modules/contrib/imagecache_token/imagecache_token.tokens.inc).
  • Notice: Trying to access array offset on value of type bool in imagecache_token_tokens() (line 183 of /home/playmakerbr/playmakerbrasil.com.br/sites/all/modules/contrib/imagecache_token/imagecache_token.tokens.inc).
  • Notice: Trying to access array offset on value of type bool in imagecache_token_tokens() (line 179 of /home/playmakerbr/playmakerbrasil.com.br/sites/all/modules/contrib/imagecache_token/imagecache_token.tokens.inc).
  • Notice: Trying to access array offset on value of type bool in imagecache_token_tokens() (line 183 of /home/playmakerbr/playmakerbrasil.com.br/sites/all/modules/contrib/imagecache_token/imagecache_token.tokens.inc).

O sábado de NBA teve viradas espetaculares e massacres humilhantes. Saiba como foram as 7 partidas do dia 18/11

19 de novembro de 2017

(por Rafael Lima)

Los Angeles Clippers 87 - Charlotte Hornets 102

Hornets e Clippers fizeram um jogo com muito equilíbrio até estar 80 a 79 para a franquia de Los Angeles, quando faltavam 7 minutos. Foi aí que Charlotte não deixou mais LA jogar e, além disso, as bolas do time começaram a cair de todos os lados, finalizando com uma run de 23 a 7.
O apagão do Los Angeles Clippers é preocupante e a situação na tabela de classificação também (0-8 nos últimos jogos).
Os destaques foram Kemba Walker, cestinha com 26 pontos (6/9 de 3) e Dwight Howard com um duplo-duplo (16pts e 16reb.).
Do lado perdedor, vale destacar Louis Williams vindo do banco com 25 pontos, outro duplo-duplo de DeAndre Jordan (10pts e 14 reb.) e os 19 pontos e 8 rebotes de Blake Griffin, que apesar disso, esteve muito irregular nos arremessos.

 Utah Jazz 125 - Orlando Magic 85

A partida começou parelha, mas aos poucos Utah foi crescendo...crescendo mais...ainda mais...e passou a dominar completamente o duelo, jogando sem deixar jogar.
O Jazz rodava a bola, infiltrava e cesta. Abria espaço e chutava do perímetro com o mesmo resultado, deixando a partida tranquila. Como diria Galvão Bueno: virou passeio amigo!
Mesmo com o jogo coletivo do time de Quin Snyder, dá pra destacar a bela atuação de Derrick Favors, que terminou com 25 pontos e 11 rebotes.

 Boston Celtics 110 - Atlanta Hawks 99

Mais uma vitória pra conta dos Celtics! Agora são 15 seguidas. Boston novamente foi buscar uma diferença grande, desta vez de 16 pontos no primeiro e início do segundo quarto. Os chutes de 3 certeiros de Kyrie Irving e Jaylen Brown e a forte marcação imposta por Marcus Smart foram fundamentais para o sucesso celta.
O Boston Celtics não só virou, como ainda colocou uma boa diferença no placar, vencendo com tranquilidade no final.
Como já foi dito, os destaques vão para o dono do time, Kyrie Irving, com 30 pontos e do garoto que cresce a cada jogo, Jaylen Brown, com 27 tentos.

 Golden State Warriors 124 - Philadelphia 76ers 116

Já vimos o Golden State Warriors apresentar viradas épicas, mas o que aconteceu ontem à noite foi fantástico, espetacular, estupendo, avassalador, mágico e todos os adjetivos e superlativos existentes na língua portuguesa!
Os Warriors foram para o intervalo perdendo por 74 a 52, de um time arrumado, com 4 atletas jogando no seu melhor nível (Embiid, Covington, Reddick e Simmons passaram dos 20 pontos no duelo).
Na volta do break, a reação começou tímida, mas logo a defesa passou a funcionar como nos bons tempos, principalmente com Draymmond Green e David West no garrafão e Klay Thompson no perímetro, limitando os 76ers a apenas 15 pontos no terceiro quarto. Enquanto isso, as bolas de 3 começaram a cair, Stephen Curry e Kevin Durant em noite iluminada lideraram o ataque para 47 pontos no mesmo período, fazendo o Golden State ir para o último quarto com 10 pontos de frente. Depois disso foi só manter a vantagem para conquistar o belíssimo triunfo.
Curry com 35 pontos, 5 rebotes e 5 assistências, juntamente com Durant, que anotou 27 pontos foram os grandes destaques do lado vencedor.

 Houston Rockets 105 - Memphis Grizzlies 83

Foi um monólogo. Tirando o início, o Memphis Grizzlies em nenhum momento deu a entender que poderia complicar o jogo para os Rockets, parece que aquele time que encheu os olhos dos fãs da NBA no início da temporada, deu lugar a uma equipe burocrática, que pareceu estar sempre um passo atrás, tanto na defesa quanto no ataque (ontem foi o menor placar dos Grizzlies no ano).
James Harden novamente foi o grande destaque com 29 pontos, 5 rebotes e 7 assistências. O barba teve o ótimo auxílio de Chris Paul (17 pontos e 6 assistências) e Clint Capela (17 pontos e 13 rebotes).
Houston continua forte, é candidato!

Milwaukee Bucks 79 - Dallas Mavericks 111

Giannis Antetokounmpo (24 pts e 17 reb.) e Khris Middleton (23 pts) jogaram sozinhos pela equipe de Milwaukee, o resto do time esteve muito, mas muito abaixo da crítica. Mesmo enfrentando Dallas, que tem um dos piores desempenhos da liga, os dois não conseguiram fazer os Bucks chegarem a poucos km da vitória.
Os Mavericks jogaram bem, mas o principal mérito foi saberem capitalizar os erros do adversário, que não foram poucos.
Entre os texanos dá pra destacar a pontaria de Wesley Matthews do perímetro (6/8), terminando o duelo com 22 pontos e s atuações consistentes de JJ Barea, Harrison Barnes e Yogi Farrell, que finalizaram suas participações com 20, 18 e 16 pontos respectivamente.

Sacramento Kings 90 - Portland Trail Blazers 102

O Sacramento Kings tentou equilibrar as ações, mas a melhor qualidade técnica dos Trail Blazers, principalmente da dupla CJ McCollum e Damian Lillard, fez a diferença.
Depois de terminar o primeiro tempo vencendo por 12 pontos, Portland administrou a vantagem até o fim, conquistando sua nona vitória na temporada.
Como já foi dito, McCollum com 25 e Lillard com 22 pontos foram os destaques do jogo.
Do lado perdedor, Willie Cauley-Stein (18 pts e 9 reb.) e o experiente Zach Randolph (17 pts e 5 reb.) merecem ser citados.