Conteúdo

The beast mode aparece e garante triunfo para os Raiders em jogo sonolento.

6 de novembro de 2017

(por Felipe Tostes)

O Sunday night football foi marcado pelo retorno do quarterback Jay Cutler para o time da casa depois do vexame contra Baltimore. Cutler fez a sua melhor partida até aqui na temporada, lançando para três touchdowns e 311 jardas. Mas quem roubou a cena foi o RB dos Raiders Marshawn Lynch, que no momento crucial do jogo apareceu e correu para dois TDs.

No Hard Rock Stadium, o jogo começou com a posse da bola para o Oakland Raiders, que liderado por Darek Carr, logo de cara mostrou para o que veio. A campanha inicial ficou marcada por terceiras descidas longas e todas conquistadas na conexão do QB com seu TE Jared Cook, uma dessas conexões para 35 jardas. Apesar de uma longa campanha de 7 minutos e meio (metade de um período) o time de Oakland só conseguiu um Field Goal de 36 jardas, convertido por Giorgio Tavecchio. 3x0.

A primeira campanha do time da casa não foi nada animadora, apesar de Cutler conseguir bons passes para seus recebedores DeVante Parker e Jarvis Landry, o time teve que acabar sua posse em punt. A mesma situação aconteceu na sequência com os Raiders.

Fim de primeiro quarto: 3x0

O segundo período começou e o time da casa tinha a posse da bola, em uma campanha ofensiva muito sólida, Jay Cutler foi conduzindo sua equipe com bons passes, destaque para um de 19 jardas mais uma vez para o WR Parker, e ao chegar na red zone não foi diferente, o QB ligou desta vez Damien Williams, que alcançou o touchdown. O extra point não foi convertido, mas os Dolphins lideravam o placar. 6 a 3.

Chegamos agora no momento mais engraçado da partida, o Miami Dolphins arriscou um onside kick, e este por mais incrível que pareça foi recuperado pelo seu próprio kicker, Cody Parkey. Só que na hora de capitalizar e aproveitar essa posse da bola, o RB Kenyan Drake sofre fumble recuperado pela defesa dos Raiders.

Mais uma vez com a bola, Carr logo de cara acerta um belo passe para Jared Cook conseguir um avanço de 27 jardas. A campanha ainda foi marcada por dois bons passes para Cook mais uma vez e outro para Michael Crabtree. E para fechar com chave de ouro, o quarterback decidiu soltar o braço para a endzone com uma ótima recepção de Johnny Holton para 44 jardas, touchdown para o time de Oakland.

Com o extra point convertido o time voltava à frente no placar. 10x6

Mesmo com pouco tempo no relógio o segundo quarto ainda conseguiu ter a conversão de um Field Goal para cada equipe.

Intervalo na Flórida: 13x9

Miami tinha a bola no começo do terceiro período, mas pouco conseguiu fazer e logo punteou para o adversário.
A primeira campanha dos Raiders após o break foi marcada por algo que não estava funcionando até aqui na partida, o ataque finalmente conseguiu correr, Marshawn Lynch quebrando tackles e avançando para 14 jardas, na sequência o QB de Oakland ainda conectou um belo passe para Amari Cooper (até aqui sumido na partida) conseguir um bom avanço de campo. Só que essa não era a campanha dos lançamentos e sim das corridas, e foi o que mais uma vez Lynch fez, colocou a bola embaixo do braço e foi quebrando tackles até chegar a endzone. Touchdown Raiders, com o extra point good. 20 a 9.

O time da casa que até aqui também abusava do jogo aéreo, parece ter ficado com inveja. O RB Kenyan Drake, sim aquele mesmo que havia sofrido um fumble, desta vez agarrou a bola e correu para incríveis 42 jardas. Após esse ótimo avanço, Jay Cutler conseguiu alguns passes curtos, até encontrar Jarvis Landry na endzone para o touchdown. Cody Parkey dessa vez acerta o ponto extra. 20x16

Depois dessas duas ótimas campanhas, o terceiro período caiu um pouco de produção e os times nada fizeram, foram apenas punts.

Fim de terceiro quarto: 20x16

O ultimo período já começou com emoção, em uma terceira descida para nove jardas, o quarterback dos Raiders sofre um fumble que foi prontamente recuperado pela sua linha ofensiva, só que na sequencia da jogada ao tentar o avanço, Marshall Newhouse, sofre outro fumble, desta vez recuperado pela defesa de Miami.
Mais uma vez o jogo sofreu por uma serie seguida de punts. Até que o ataque de Oakland conseguiu uma excelente campanha, com bons passes mais uma vez lançados por Derek Carr para Crabtree e Cook, o time foi avançando até a red zone, ao chegar lá foi só alimentar a besta e Marshawn Lynch não decepcionou, na sua primeira tentativa ele marchou até a endzone e era touchdown para Oakland. Tavecchio convertia mais uma extra point. 27 a 16 Raiders.

Com o relógio contra Miami foi forçado a tentar passes mais longos, e Cutler até conseguiu um bom para um avanço de quase 30 jardas com Julius Thomas, mas essa campanha acabou com um “turnover of downs”.

O Oakland Raiders estava a um first down da vitória e tentou através das corridas de Lynch, que desta vez não funcionaram. Em uma terceira para 10 jardas, Derek Carr tentou o lançamento e acabou interceptado por Reshad Jones.
Com duas posses atrás no placar, Miami não tinha o que fazer a não ser arriscar, e foi exatamente o que Jay Cutler fez, em uma bela campanha com quatro passes longos, o quarterback conseguiu encontrar Julius Thomas na endzone e anotar o touchdown para o seu time, que foi para a conversão de dois pontos, conquistada na corrida de Kenyan Drake. 27x24.

Esse era o momento em que Miami precisava acertar um “onside kick”, mas não foi desta vez que o time conseguiu o milagre, e a bola voltava para os Raiders que só precisaram ajoelhar na bola para conquistar a vitória.

Fim de jogo em Miami: Raiders 27x24 Dolphins.

O time da casa perdeu lutando até o fim, mesmo ainda contundido, Jay Cutler fez uma excelente partida não deixando a torcida sentir falta de Jay Ajayi, sua defesa fez um bom jogo, o que ainda pode dar esperanças por dias melhores para o time de Miami.
Na próxima rodada os Dolphins visitam os Panthers.

Oakland fez um jogo bem sólido, conseguiu pontuar nos momentos chaves do jogo e a defesa não comprometeu. A campanha ainda é negativa e o time precisa ser mais regular. Na próxima semana terá um bye week para se arrumar para a reta final de temporada.